Sushi e seus benefícios.

Sushi e seus benefícios.

Os japoneses comem sushi há séculos, mas o sushi que conhecemos hoje, surgiu como uma opção de fast-food em Edo, Japão, em meados do século 19.

Com uma variedade de benefícios os muitos menus oferecem uma grande diversidade de valores nutricionais .

Com esta diversidade, o valor nutricional de um rolo para o outro pode variar. Em geral, o peixe é uma fonte magra de baixa caloria, e proteína de alta qualidade. É também baixo em gorduras saturadas e colesterol, tornando-se uma escolha alimentar saudável para o coração. O Salmão é especialmente alto em ômega-3 e os ácidos gordos, que estão ligados à melhoria dos níveis de colesterol, diminuição da pressão arterial e diminuição do risco de ritmos cardíacos anormais.

As folhas finas de algas, ou nori, que são achatadas, cortadas, e enroladas em torno Maki , contêm poderosos minerais. O Iodo, essencial para a função hormonal adequada, é abundante neste vegetal. Também terá o benefício do magnésio, cálcio, ferro e fitonutrientes antioxidantes e ácido fólico se comer rolos envoltos em nori. Pode saber mais sobre algas no site da wikipedia.

Alguns nutrientes aliados a saúde como:

– Alga :

Versão prensada e seca, é composta de proteínas e carboidratos. Possui poucas fibras e nada de gordura;

– Arroz :

Tem vinagre, açúcar, sal e glutamato monossódico. É prejudicial se ingerido em quantidades enormes

– Peixe :

Suas proteínas são poderosas. Comido cru, mantém intacta uma série de gorduras boas e minerais ;

– Hortaliças :

Elas guardam diversos nutrientes. O pepino é composto de 95% de água e tem ação diurética ;

– Shoyu :

O molho de soja é rico em sódio. Uma colher de sopa já tem 800 mg do mineral, ou 40% da recomendação diária ;

– Gengibre ;

Comido em fatias finas e firmes, seus óleos têm ação anti-inflamatória e antioxidante ;

– Wasabi :

Pasta de raiz-forte, serve para matar algumas bactérias do peixe e ajuda na digestão ;

Os sushis são feitos com frutos do mar e peixes, alguns peixes grandes, como atum, pode estar contaminado com altos níveis de mercúrio.  Uma outra preocupação é contaminação por bactérias, principalmente da família dos coliformes, pois é tradicional o prato se preparar com as “mãos “. Existindo, ainda, como fontes de contaminação, o armazenamento dos ingredientes, a limpeza do local onde é preparado, bem como a limpeza dos utensílios utilizados. Os males variam desde uma indigestão leve até, em casos mais graves, complicações como diarreia, úlceras e até mesmo o óbito.

Os japoneses costumam congelar os peixes assim evitam as bactérias ou infecções por parasitas.

Há pessoas que possuem reações alérgicas aos frutos do mar ou aos temperos utilizados, por isso é bom tomar cuidado e estar sempre atento com a forma de preparo e o armazenamento destes alimentos.

Saiba mais em: http://querofazersushi.com.br/